Noticias

O Grupo Garland terminou 2015 com um volume de negócios de 109 Milhões (€)

Publicado o 15 Maio 2016

O Grupo Garland terminou 2015 com um volume de negócios de 109 Milhões de Euros (M€), mais 11,2% que em 2014. A área de negócio que mais contribuiu para este crescimento sustentado e contínuo foi a de Transportes e Logística, core business do Grupo. Representando 55% da faturação global da Garland, correspondentes a 58,4M€ faturados, Transportes e Logística registou, só no mercado nacional, um crescimento de 8% comparativamente ao ano anterior.
Com mais 20 postos de trabalho criados em 2015, totalizando 328 colaboradores, e representações em Portugal – Abóboda (sede), Aveiro, Maia, Marinha Grande, Palmela (Autoeuropa) e Portimão –, Espanha – Barcelona e Valência – e Marrocos – Casablanca –, o Grupo Garland cresceu mais de 30% desde 2012, num período em que, em Portugal, vigorou um resgate financeiro.
Com 729 navios agenciados e 206.435 TEU’s movimentados, a área da Navegação representou no ano passado 37% do volume de negócios global do Grupo, que correspondem a 41 M€. Só no mercado nacional, a Ocidenave viu a sua faturação crescer 35,2%. Em 2015, foram ainda movimentados pelo Grupo 4.851 contentores de granéis e 126.658 com cargas diversas.
Desde que inaugurou o Centro Logístico da Maia em 2012, o Grupo Garland tem vindo a crescer exponencialmente nesta área. Atualmente com mais de 80.000 m2 de área logística de norte a sul do país, só este ano a Garland inaugurará dois novos centros logísticos, em Gaia e na Mealhada, a ampliação do da Maia e a remodelação do centro da Abóboda para onde mudou a sua sede, depois de décadas instalada no Cais do Sodré, no centro de Lisboa. Todos eles estão já 100% ocupados. Só no mercado nacional, a Garland Logística, que marca ainda presença em Famalicão, viu a sua faturação crescer 17,5% comparativamente a 2014.
Com mais de 7 milhões de caixas e 2,4 milhões de pendurados movimentados e mais de 12 milhões de pickings para processar anualmente, a Garland sustenta a sua atividade num dos mais modernos Sistemas de Gestão de armazéns do mercado (WMS) com avançadas soluções tecnológicas, como interfaces diretos com qualquer software dos clientes, terminais portáteis com radiofrequência, sistema webview (track & trace online para atividades de armazém), entre outras.